Connect with us

Noticias

Duas jovens de 17 e 26 anos cometem suicídio e chocam população de Brejinho de Nazaré.

Published

on

Duas jovens alegando depressão por desacertos em relacionamentos amorosos se mataram por enforcamento no último fim de semana (09 e 10), em Brejinho de Nazaré, região central do Tocantins.

O primeiro caso veio à tona por volta das 10h da manhã, de sábado, na Avenida Adão Parente, Setor Januário Dias, quando a adolescente Bianca Machado Nunes, 17 anos, foi encontrada morta, na área externa da casa onde estava fazendo companhia à prima que ganhou bebê recentemente.

De acordo com as informações, ela usou a corda da rede para laçar ao pescoço e concretizar o ato extremo.

Bianca deixou três bilhetes em que reiterava que estava sofrendo demais e precisava de paz. Há 20 dias, o relacionamento sentimental foi rompido e a situação se agravou mais ainda para uma pessoa sem experiência de vida e que já tinha perdido a mãe há cerca de 2 anos.

O segundo suicídio foi registrado durante a madrugada de domingo (10), em um lote baldio, localizado na Rua Januário Dias Reis, Setor Novo Horizonte, onde foi encontrada morta por enforcamento, a jovem Silvana Gonzaga Lopes, 26 anos, que residia ao lado.

Os familiares disseram que ela utilizou a corda de puxar água do poço de sua casa para cometer o suicídio.

De acordo com os primeiros relatos, a mulher estava em uma verdadeira turbulência psicológica uma vez que chegou a sentir atrações pelo próprio irmão com quem acabou tendo um relacionamento afetivo e vinha apresentando sinais de gravidez. Em meio a essa tempestade de desejos, receios e medos, ela escreveu em seu perfil: “Obrigada a vocês que me amaram ou gostaram de mim. Hoje parto desse mundo para descansar da vida e não magoar mais ninguém… Adeus e perdão pai, te amo!”.   

Nos dois casos, a PM foi acionada e isolou a área para facilitar o trabalho da perícia técnica. Os corpos foram examinados no IML de Porto Nacional e depois entregues aos familiares para providenciarem os funerais.

Não ao suicídio

O CVV – Centro de Valorização da Vida – realiza apoio emocional e prevenção do suicídio, atendendo voluntária e gratuitamente todas as pessoas que querem e precisam conversar, sob total sigilo por telefone, email e chat 24 horas todos os dias.

Por / PortalMV

 5,266 total views,  30 views today

Continue lendo
Clique para comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Brasil

Polícia Militar tem primeira mulher a assumir função de alto comando na instituição

Published

on

A coronel PM Alaídes Pereira Machado é a primeira mulher a ocupar a função de subchefe do estado maior da Polícia Militar do Tocantins, cargo que compreende o escalão de alto comando da instituição, sendo a terceira na hierarquia de comando. A cúpula do comando da PMTO é composta pelo comandante-geral, chefe do estado maior e subchefe do estado maior.

Com 25 anos de serviços prestados na instituição, a oficial é a mulher mais antiga na PMTO, e já ocupou diversas funções na corporação ao longo de sua história, como comandante da Academia de Polícia Militar Tiradentes (APMT), diretora  do Colégio Militar de Palmas, Unidade II, assessora jurídica da PMTO, chefe da seção de planejamento PM/3-EM, diretora de gestão profissional da PMTO, entre outras funções.

Atualmente, além de subchefe do estado maior, coronel Alaídes também é coordenadora estadual do PROERD – Programa Educacional de Resistência às Drogas e à Violência. Em sua gestão à frente do PROERD, o programa superou os 450 mil atendimentos e contemplou 100% dos municípios tocantinenses, atingindo ainda aldeias indígenas.

“Ver as mulheres ocupando cargos de alto escalão dentro de uma instituição tão importante e respeitada como a Polícia Militar do Tocantins, nos enche de orgulho. Sinto-me agradecida a Deus e honrada com a nova e nobre missão de subchefe do estado maior”, revelou coronel Alaídes.

A oficial lembra que quando ingressou na PMTO, no ano de 1995, o quadro de oficiais feminino era separado e as policiais só podiam chegar ao posto de capitão. No entanto, em 1996 houve a unificação dos quadros, não diferenciando a carreira entre homens e mulheres. Ela ressalta que as mulheres vêm conquistando e ampliando cada vez mais seu espaço e prestígio na sociedade e na Polícia Militar não é diferente.

“O fato de ser a primeira mulher na tríade do comando aumenta e muito nossa responsabilidade tanto institucional como social. Ocupar esse cargo representa uma ascensão na carreira profissional e uma maior participação no nível estratégico da instituição. Tenho consciência desse momento histórico do qual faço parte e dos novos desafios que tenho pela frente. Sinto-me agradecida pelo apoio e confiança recebido do comando e da tropa, e preparada pelas formações técnicas e experiências obtidas ao longo do exercício da carreira, que nos habilitam e capacitam para as mais diversas funções institucionais”, disse a subchefe do estado maior da PMTO.

O comandante-geral da PM, coronel Jaizon Veras Barbosa, destacou a competência e dedicação da coronel Alaídes durante toda a sua carreira, assumindo funções basilares na PMTO, sendo que a experiência construída  será fundamental para o desempenho da nova função. “É muito gratificante para a PMTO ter a Coronel Alaídes em uma das funções mais importantes da corporação, a oficial conquistou este espaço e evidencia a força feminina em nossa Instituição. A experiência construída em sua carreira aliada ao comprometimento e a técnica da militar contribuirão diretamente para as ações estratégicas exigidas pela função de subchefe do estado maior da PMTO”, finalizou coronel Jaizon.

Sobre a coronel Alaídes:

A coronel Alaídes Pereira Machado é natural de Dueré – TO, nascida em 24 de janeiro de 1971, casada com o senhor Luís Antônio Pereira Coelho, com quem tem três filhos: Júlia, Lívia e Artur.

Iniciou sua carreira militar no ano de 1995, no curso de formação de oficiais realizado na Academia de Polícia Militar do Estado de Goiás, sendo a primeira colocada do curso. Foi declarada aspirante a oficial em 27 de novembro de 1997. No ano de 2005 concluiu em segunda colocação o Curso de Aperfeiçoamento de Oficiais – CAO, pela Academia de Polícia Militar do Estado de Alagoas.

É bacharel em segurança pública pela Academia de Polícia Militar do Estado de Goiás, bacharel em direito pela Universidade Federal do Tocantins – UFT. Pós-graduada em direitos humanos e cidadania pela Fundação Universidade do Tocantins – Unitins. Pós-graduada em docência do ensino superior pelo Instituto Geralda Aldira. Pós-graduada em estudos de política e estratégia pela Escola Superior de Guerra – Adesg. Pós-graduada em altos estudos em segurança pública – CAESP em parceria com a Universidade Estadual de Goiás – UEG.

Condecorações: medalha de mérito Policial Militar Tiradentes na Polícia Militar do Estado do Tocantins.

Homenagens: diploma de mulher cidadã em março de 2019, pela Assembleia Legislativa do Tocantins. Moção de aplausos em sessão ordinária do dia 01 de setembro de 2020, em comemoração ao dia internacional da mulher.

 

Por / Luana Barros/Governo do Tocantins

 279 total views,  279 views today

Continue lendo

Brasil

Divisão de Narcóticos da Polícia Civil apreende 1,5 kg de cocaína pura e maconha em Palmas e prende homem ligado a facção nacional

Published

on

Com o objetivo de localizar e prender um gerente do tráfico de drogas ligado a uma facção de renome nacional, foi deflagrada pela Polícia Civil do Tocantins, na manhã desta quarta-feira, 18, na quadra 305 sul, em Palmas, a operação “Cocaine Shelter”. A ação foi coordenada pela 1ª Divisão Especializada na Repressão a Narcóticos (1ª Denarc – Palmas) e pelo Grupo de Atuação Especial de Repressão ao Crime Organizado (Gaeco) do Ministério Público Estadual (MPE-TO) e resultou na apreensão de 1,5 kg de cocaína de alta pureza e meia peça (500 gramas de maconha) e do gerente, um homem de 35 anos de idade que estava, inclusive, com tornozeleira eletrônica.

 

A operação foi possível devido ao compartilhamento de informações entre 1ª Denarc de Palmas e Gaeco. Conforme as informações, a organização criminosa teria o autuado para agir como gerente de um ponto de guarda e armazenagem de cocaína e outras drogas. Segundo o delegado-chefe da 1ª Denarc, Enio Walcácer, após monitoramento em que foi identificada a forma de operação do autuado, que deixava drogas escondidas em ponto na frente de sua casa para ser apanhada por traficantes, foi realizado o ingresso na residência, oportunidade em que foram localizados os entorpecentes apreendidos.

 

Durante a abordagem foi confirmado também que o investigado de fato está ligado à organização criminosa, sendo identificado que ele estava com tornozeleira eletrônica em cumprimento de pena por condenação anterior pelo crime de homicídio.

 

O investigado foi conduzido para a sede da 1ª Denarc para ser ouvido. Em seguida, após as devidas providências legais, ele foi encaminhado para a Casa de Prisão Provisória de Palmas, onde ficará à disposição do Poder Judiciário.

 

O nome da operação “Cocaine Shelter” significa Abrigo da Cocaína, pois a casa era usada para guardar a droga.

 2,901 total views,  538 views today

Continue lendo

Brasil

Centro Integrado de Operações Aéreas (Ciopaer) promove campanha de doação de sangue na próxima segunda-feira, 23

Published

on

Com objetivo primordial de incentivar a doação de sangue, a Diretoria do Centro Integrado de Operações Aéreas (Ciopaer), unidade vinculada à Superintendência de Segurança Integrada da Secretaria de Estado da Segurança Pública (SSP-TO), promoverá na próxima segunda-feira, 23, a partir das 8 horas, uma campanha solidária de doação de sangue na unidade do Hemocentro, localizada no Hospital Geral de Palmas (HGP).

 

A equipe do Ciopaer rotineiramente já faz doação de sangue e na segunda-feira estará até às 12 horas no HGP para receber os doadores. A equipe prestará também informações sobre dúvidas relacionadas às forças de segurança e como se tornar um aviador da segurança pública. Também haverá entrega de brindes a quem efetivamente doar sangue após a triagem, sendo importante ressaltar que os brindes são limitados. Dentre os brindes, estão camisetas, canecas, mouse pad e adesivos.

 

10 anos

 

A campanha celebra também os 10 anos da chegada da aeronave Tocantins 01 no Estado, ocorrida em sete de dezembro de 2010; e os 10 anos da criação do Ciopaer em 20 de janeiro de 2011. Para o piloto e delegado de Polícia Civil Leonardo Marincek Garrido da Nóbrega, que está na organização da campanha solidária, nada mais significativo que celebrar essas duas conquistas fazendo o bem. “Entendemos a necessidade do Hemocentro e resolvemos adiantar essas duas datas para celebrar e promover a campanha no intuito de envolver uma maior quantidade de pessoas na doação de sangue”, ressaltou.

 

O piloto e delegado Garrido solicita a todos os seguidores do Ciopaer nas redes sociais que atendam o convite do Ciopaer e compareçam no Hemocentro do HGP para doarem sangue. “O importante é aumentar essa corrente de amor e ajudar a quem mais precisa”.

 

Também na organização do evento, o major Dennys Dalla, piloto da aeronave Tocantins 01, ressalta que o objetivo da ação é melhorar o estoque do Hemocentro, que encontra-se baixo, e, dessa forma, ajudar quem precisa de doação e outros subprodutos derivados do sangue.

 

Hemocentro

 

A assistente social do Hemocentro do HGP, Kercia Vale Parrião Marques, afirma que a campanha é muito importante, pois a doação de sangue é um ato simples e altruísta que pode salvar vidas. Segundo ela, ao doar sangue o indivíduo está ajudando quem necessita urgentemente desse item essencial para a sobrevivência.

 

Serviço: Campanha Solidária Doação de Sangue do Ciopaer para o Hemocentro

Quando: 23/11/2020

Horário: 8 às 12 Horas

Disponibilidade para entrevistas: Delegado Garrido

Interessados devem enviar solicitação para o e-mail seguranca@secom.to.gov.br

 2,891 total views,  535 views today

Continue lendo

Frete Grátis para Porto Nacional

Facebook

Advertisement

Categorias

Trending

WP2Social Auto Publish Powered By : XYZScripts.com