Connect with us

Brasil

Governador eleito pode ser cassado antes da próxima eleição é o Tocantins pode ter dois governadores cassados no mesmo ano

Published

on

Mauro Carlesse (PHS) é o segundo governador do Tocantins em 2018. Mas, segundo o procurador eleitoral Álvaro Manzano, é possível que o Estado tenha mais um governante até o fim do ano. “Dizer que vai ocorrer, ainda é prematuro, mas é possível que tenhamos outro mandato-tampão antes mesmo da eleição de outubro, para cumprir o resto do mandato”, disse em entrevista à TV Anhanguera.

Isso pode acontecer porque a Polícia Federal apreendeu documentos no Palácio Araguaia e em secretarias do governo a pedido da Justiça Eleitoral. A suspeita dos investigadores é de que houve compra de apoio político e uso da máquina pública durante a campanha para Eleição Suplementar. As denúncias foram feitas pelo senador Vicentinho Alves (PR), derrotado por Carlesse no segundo turno.

O presidente do Tribunal Regional Eleitoral, Marco Villas Boas, disse que pretende dar celeridade ao processo. “Se não decidir logo, penso que não haverá resposta no curso do mandato, mas existem prazos que precisam ser respeitados que não são só de quem propõe a denúncia e acusa, mas também para a defesa”, explicou.

Mauro Carlesse foi eleito governador do Tocantins (Foto: Assessoria/Divulgação)

Mauro Carlesse foi eleito governador do Tocantins (Foto: Assessoria/Divulgação)

As denúncias estão sendo investigadas pela Justiça Eleitoral em uma Ação de Investigação Judicial Eleitoral (AIJE). Entre os indícios apontados estão à liberação de verbas por emendas parlamentares e pagamentos de despesas de anos anteriores. Segundo a Justiça Eleitoral, o Palácio Araguaia estaria sendo usado como “comitê de campanha” para a eleição suplementar.

Também está sendo investigada a utilização de servidores públicos da TV e rádio do Estado na campanha do governador eleito.

“Aduzem que a equipe de produção das mídias de TV e rádio dos investigados está sendo custeada com recurso público, já que o cinegrafista, repórter, produtor musical e o locutor/coordenador do material de rádio, são todos funcionários da Fundação Radiodifusão Educativa (Redesat)”, diz a decisão que autorizou buscas em prédios públicos.

Após a apreensão dos documentos, a Secretaria de Comunicação do Estado afirmou que o governo está colaborando com o trabalho da Polícia Federal. Na época, o governador interino informou que segue tranquilo e apoia qualquer investigação, determinando que seus auxiliares prestem todas as informações solicitadas.

Instabilidade

Mauro Carlesse (PHS) foi eleito neste domingo (24) com 75,14 % dos votos válidos para o mandato-tampão, até 31 de dezembro. A Eleição Suplementar foi convocada após a cassação do ex-governador Marcelo Miranda (MDB) e da vice dele, Cláudia Lelis (PV).

Para o economista Marcello Bezzera, a instabilidade no estado tem atrapalhado os investidores. Além disso, uma retomada do crescimento vai depender dos primeiros atos do governador eleito.

Atualmente, o Estado tem um rombo nas contas públicas que passa de R$ 1 bilhão, sendo que a maior parte é de dívidas com fornecedores. O Tocantins também não consegue aplicar mais do que 5% em investimentos públicos. Isso significa que quase tudo que arrecada vai para pagar contas e folha de pagamento.

Fonte: G1 TOCANTINS

Continue lendo
Clique para comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Brasil

A bola da vez Dr. Eduardo Holanda secretário de relações internacionais

Published

on

O Estado do Tocantins avança crescendo em desenvolvimento econômico, e mais empresas de porte Internacional iniciam conversações,  para investir no Estado mais jovem da confederação Brasileira.
E o nome para esta pasta tão importante ficou a cargo do Dr. Eduardo Holanda que será o porta voz do Governo Federal Estadual no exterior.
Holanda é pastor evangélico ligado à CADB, (Convenção das Assembleias de Deus no Brasil)
Bacharel em Direito, Dr. em sociologia é formado em Relações internacionais.
Conhecido pelas suas obras sociais, e eventos de alto alcança em massas, foi
Indicado ao cargo pela comissão executiva do Presidente Eleito Jair Messias Bolsonaro, Dr. Eduardo Holanda terá a importante missão de manter os diálogos entre as instituições e empresas privadas, que assinaram contratos com o Estado do Tocantins.
Sem duvidas este será um dos secretários mais importante do Governo.

Continue lendo

Brasil

Governo troca comando da Secretaria de Segurança Pública

Published

on

O governador do Tocantins, Mauro Carlesse (PHS), mudou o comando da Secretaria de Segurança Pública do estado. A pasta que era chefiada por Deusiano Pereira de Amorim passa para Fernando Ubaldo Monteiro Barbosa. Os atos foram publicados no Diário Oficial do Tocantins desta segunda-feira (13) e a mudança já está valendo.

Segundo o governo, a saída de Deusiano Pereira se deu a pedido dele. Além da mudança de secretário, Wlademir Costa Mota Oliveira foi nomeado para exercer o cargo de subsecretário da Segurança Pública.

O novo secretário mora no Tocantins desde 2000, quando exerceu o cargo de chefe jurídico do Instituto de Terras do Tocantins (Itertins). Em 2001 foi aprovado em concurso público para delegado de polícia e exerceu a função em várias delegacias na capital o no interior.

Em 2011, assumiu a chefia de gabinete da SSP, durante o governo de Siqueira Campos (DEM).

Fonte: G1 Tocantins

Continue lendo

Brasil

PM tocantinense vence campeonato Sulamericano de jiu-jitsu e se prepara para mundial em Las Vegas

Published

on

Aos 32 anos, o sargento da Polícia Militar do Tocantins, Leandro Caitano, conseguiu mais um feito em sua carreira esportiva: conquistou o primeiro lugar na categoria “absoluta” o Campeonato Masters International IBJJF Jiu-Jitsu Championship South América, que aconteceu nos dias 28 e 29 de julho no Rio de Janeiro. Após a conquista, o militar já está mirando o mundial, que será realizado entre os dias 22 e 25 de agosto em Las Vegas. “Acredito que nós estamos no caminho certo. Partindo para o mundial, dando tudo certo, traremos mais esse título para o Tocantins e para a nossa Polícia Militar”, declarou o sargento Caitano.

Para o comandante-geral da Polícia Militar, coronel Jaizon Veras Barbosa, a vitória do sargento é motivo de muito orgulho para a corporação. “É um incentivo para tantos jovens, crianças e outros militares que se espelham nele. Mostra que, com uma dedicação, disciplina e apoio, pode se chegar muito longe. O sargento Caitano tem a nossa admiração”, disse o comandante.

A rotina de atleta do sargento Caitano é de muitos treinos na preparação para os campeonatos. “Eu faço um treino físico pela manhã, um treino técnico meio dia e outro treino técnico à noite. Minha alimentação é toda balanceada, com suplementação, que é necessária”, relata o militar. Além disso, ele se dedica ao Projeto Dojô de Ouro, desenvolvido no 1º Batalhão da PM, em Palmas.

Caitano diz que sua participação em campeonatos pelo Brasil conta com apoios muito importantes, como o da Polícia Militar e também de empresários que se dispõem a patrociná-lo. “Tem a empresa Pão da Hora, que tem me ajudado com o custeio dessas viagens”, faz questão de citar o atleta.

Quanto à preparação para os campeonatos, o militar diz que é preciso ter muita disciplina para alcançar os objetivos. “Eu tenho me mantido focado em meus treinamentos, dormindo e comendo certinho, e sempre acreditando que vai dar certo”, pontua.  Ele é acompanhado de perto pelo sargento Evanuel Andrade, que é o mestre que cuida da parte técnica e dos ajustes.

Foi com essa determinação e foco que o sargento Caitano se tornou o primeiro faixa-preta tocantinense a vencer em primeiro lugar um Campeonato Brasileiro de Jiu-Jitsu. “Na minha categoria, eram cinco lutas, daí na semifinal eu dei um vacilo e acabei ficando em terceiro lugar. Eu tive então, como medalhista, a oportunidade de me candidatar numa categoria absoluta, que é sem limite de peso. Eu acabei fazendo boas lutas, não cometi erros e me consagrei campeão”, comemorou Caitano.

De agora em diante, o militar atleta deve manter os treinos, sendo que nesta semana o ritmo será mais leve. Ele também já retoma sua dedicação ao projeto Dojô de Ouro, da PM, nesta terça-feira, 31.

Projeto Dojô de Ouro – forjando vencedores

O projeto realizado pela PM no 1º BPM tem o objetivo dar qualidade de vida aos policiais militares e seus dependentes. Através do esporte, os resultados têm sido muito positivos, como benefício à saúde, integração, além de atender crianças e adolescentes em situação de vulnerabilidade, que passam a ter um maior objetivo de vida.

Horário dos treinos:

Crianças:

Segunda-feira, quarta-feira e sexta-feira das 17h30min às 18h30min.

Adultos:

 – Segunda-feira, quarta-feira e sexta-feira – 18h30min às 19h30min e 19h30 às 20h30

– Terça e Quinta 17h30min às 18h30min; 18h30min às 19h30min e das  20h30min;

Fonte: PM-TO

Continue lendo

Facebook

Advertisement

Categorias

Publicidade

Publicidade

Trending