Adolescente que capotou carro em Porto Nacional é ouvido pelo MPE - Jornal Porto Midia

O adolescente que estava dirigindo o carro que capotou e causou a morte da estudante Luiza Vitória Almeida Ferreira, de 14 anos, foi ouvido na tarde desta quarta-feira (26). Ele e a mãe estiveram na sede do Ministério Público de Porto Nacional. O garoto não será internado neste momento.

O estudante tem 16 anos e é filho de um policial civil. Ele foi ouvido informalmente pela promotora da Infância e Juventude, Márcia Mirele Stefanello. O menor negou que estivesse dirigindo em alta velocidade.

A promotora não quis comentar o acidente porque o caso corre sob sigilo. “É necessário que os pais tenham mais cautela na criação dos filhos. Essa vigilância é necessária. Claro que os adolescentes têm essa vontade de poder dirigir antes da idade, mas são os pais que devem agir com a cautela necessária para que os filhos não caiam no erro”, afirmou.

O menor agora deverá ser ouvido pelo juiz. Ainda segundo a promotora, neste tipo de caso o adolescente pode responder a representação ou até recebe ruma remissão, perdão.

“Os pais também podem ser responsabilizados. Se ele autoriza a entrega do veículo, tem um artigo específico do código de trânsito que se refere a isso: entregar veículo automotor a pessoa inabilitada. Dependendo da consequência de cada ato também tem suas responsabilidades”, afirmou.

O caso também está sendo investigado pela Polícia Civil.

Informações: G1 Tocantins

Compartilhe

Share on whatsapp
WhatsApp
Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on linkedin
LinkedIn
Share on pinterest
Pinterest

Anuncie aqui, clique aqui para entrar em contato.

Veja também

Porto Mídia - PodCast

Publicidade

300x250
Paulista
277158474_1419113205204878_6132805285539760849_n
WhatsApp Image 2022-02-24 at 15.13.31
WhatsApp Image 2021-11-19 at 12.16.21

Anuncie aqui,
clique aqui para entrar em contato.

Já conhece nosso podcast?