Ex-prefeito de Cariri do Tocantins é preso suspeito de crime sexual

O ex-prefeito de Cariri do Tocantins, José Jeremias de Mendonça, de 58 anos, foi preso na tarde desta sexta-feira (29) na chácara onde mora, na região sul do estado. Ele foi levado para a delegacia de flagrantes de Gurupi e prestou depoimento. O motivo da prisão dele é um “crime contra a dignidade sexual”, de acordo com a Secretaria de Segurança Pública.

O processo corre em segredo de Justiça e por isso não foi informada a natureza específica do caso. No código penal, este tipo de crime abrange casos como abuso, estupro, importunação sexual e outros. A agressão teria ocorrido em 2018.

O mandado de prisão contra o político é na modalidade temporária, o que significa que tem prazo para terminar. Ele deve ficar na Casa de Prisão Provisória da cidade até o inquérito ser concluído e encaminhado ao Ministério Público Estadual.

José Jeremias de Mendonça foi eleito prefeito em 2004 e ficou no cargo entre 2005 e 2008. Ele também exerceu cargos públicos em secretarias de outros gestores.

A defesa do ex-prefeito foi procurada, mas ela preferiu não se manifestar por não ter mais detalhes do processo.

Fonte / G1 Tocantins

Foto / G1

Compartilhe

Share on whatsapp
WhatsApp
Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on linkedin
LinkedIn
Share on pinterest
Pinterest

Anuncie aqui, clique aqui para entrar em contato.

Veja também

Porto Mídia - PodCast

Publicidade

WhatsApp Image 2021-12-06 at 18.51.44
WhatsApp Image 2021-11-20 at 07.01.56
WhatsApp Image 2021-11-19 at 12.16.21
271167716_1371306459985553_2769517668468713410_n
WhatsApp Image 2021-08-06 at 08.36.06
WhatsApp Image 2021-10-29 at 09.23.51

Anuncie aqui,
clique aqui para entrar em contato.

Já conhece nosso podcast?