Connect with us

Policia

PM apreende 3 armas de fogo e detém 7 suspeitos por porte ilegal, furto e tráfico em Gurupi, Araguaína e Marianópolis

Published

on

A Polícia Militar do Tocantins, em ações de segurança por todo o Estado, retirou três armas de fogo de circulação neste final de semana nas cidades de Gurupi, Araguaína e Marianópolis. Em Gurupi, uma pessoa foi detida neste sábado, 7, por porte ilegal de arma de fogo. Já em Araguaína, duas pessoas foram presas, uma por tentativa de furto e outra por porte ilegal de arma e roubo. Em Marianópolis, quatro suspeitos foram detidos por tráfico de drogas e porte ilegal de arma de fogo.

Gurupi

 

Durante um patrulhamento de rotina na manhã deste sábado, no Setor Jardim dos Buritis, os policiais militares do 4º BPM avistaram alguns indivíduos em atitude suspeita em um estabelecimento. Ao perceberem a presença da equipe da PM, houve movimentação por parte de um dos indivíduos. No momento em que os militares deram ordem para que ficasse de pé, o mesmo tentou descartar uma arma de fogo, calibre 22, com seis munições intactas.

O autor foi conduzido para a Central de Flagrante e apresentado a autoridade de plantão, onde foi autuado por porte ilegal de arma de fogo.

Araguaína

 

Dois homens foram detidos por policiais militares do 2º BPM em Araguaína, neste sábado. A primeira ocorrência foi de tentativa de furto a uma pessoa em uma instituição bancária e a segunda, roubo e posse ilegal de arma de fogo.

 

Por volta das 08h deste sábado, 07, em uma agência bancária localizada no Centro de Araguaína, um homem de 52 anos se ofereceu para ajudar uma senhora a realizar um saque de R$ 800,00 no caixa eletrônico. Após a operação bancária, o homem disse para a senhora tentar sacar em outro local, pois segundo ele, não havia dinheiro no presente caixa.

Tão logo a senhora partiu para outro caixa, o infrator retirou e tomou posse do dinheiro sacado colocando-o no bolso. O esposo da vítima percebeu a movimentação estranha e delituosa do acusado que, diante do flagra em meio a populares, devolveu o dinheiro e saiu correndo.

O homem foi segurado por cidadãos que chamaram a Polícia Militar para efetuar a sua prisão. Os militares deram-lhe voz de prisão e o conduziram para a Delegacia de Polícia de Plantão onde foi devidamente autuado por furto.

Ainda em patrulhamento pela cidade de Araguaína, a PM foi acionada após um homem, no início da tarde, praticar um roubo a mão armada em um restaurante no Setor Noroeste. De posse de uma arma de fabricação caseira, o homem anunciou o assalto e roubou R$ 57,00 do caixa e empreendeu fuga em uma bicicleta.

Durante as diligências os PMs localizaram o suspeito já no Setor Brasil. Na abordagem foi constatado que ele ainda estava portando a arma de fogo mencionada e o dinheiro roubado do restaurante.

Os Policiais Militares deram voz de prisão para o acusado e o conduziram juntamente com a arma de fogo e o dinheiro para a Delegacia de Polícia de Plantão onde foi devidamente autuado por roubo.

 

Tráfico de entorpecente e posse de arma em Marianópolis

Após a PM receber uma denúncia de tráfico de entorpecentes em uma residência de Marianópolis na madrugada deste domingo, 08, os militares do 8º BPM, com apoio do BPMA que estava em Blitz na região, realizaram a detenção de quatro pessoas, sendo dois menores e um casal maior de idade.

No local, a PM apreendeu ainda um revólver calibre 32, R$ 724,00 em espécie, um tablete de substância análoga a maconha, uma pedra de substância análoga a crack, 6 celulares e uma moto com placa de Porto Nacional.

Os autores e os objetos foram conduzidos à Central de Flagrantes em Paraíso para os procedimentos cabíveis.

Fonte: PM-TO

 624 total views,  4 views today

Continue lendo
Clique para comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Noticias

Em Porto Nacional, homem é preso pela PM após anunciar venda de motocicleta furtada na internet

Published

on

A Polícia Militar prendeu na noite de segunda-feira, 20, na Rodovia TO – 050, Parque do Trevo, na cidade de Porto Nacional, um homem de 25 anos, pelo crime de receptação.  O suspeito foi detido no momento em que tentava vender a motocicleta furtada.

Policiais Militares do 5º Batalhão de Polícia Militar, após informações repassadas pela Agência Local de Inteligência (ALI) do 5º BPM, chegaram ao suspeito depois que ele anunciou na internet, em um grupo de feirão do Facebook, a motocicleta Yamaha/Facto YBR125 com restrição para furto/roubo. A equipe policial deteve o suspeito em flagrante, no momento em que ele tentava comercializar o veículo.

Depois de ser abordado, o homem informou aos policiais militares que não tinha conhecimento da restrição da motocicleta, e que havia pago por ela o equivalente a R$ 2.800,00 em Taquaralto, região sul de Palmas. O indivíduo recebeu voz de prisão e foi apresentado na Delegacia de Polícia Civil, onde foi autuado em flagrante pelo crime de receptação.

Fonte: PM-TO

 1,480 total views,  167 views today

Continue lendo

Noticias

Gaeco e forças de segurança realizam operação em seis cidades para desarticular núcleo do PCC que atuava no tráfico de drogas

Published

on

O Grupo de Atuação Especial de Combate ao Crime Organizado do Ministério Público do Tocantins (Gaeco/MPTO) comandou a Operação Collapsus, deflagrada nesta terça-feira, 21, em seis cidades do Tocantins, Pará e São Paulo, com o objetivo de desarticular, em nível operacional e financeiro, um núcleo criminoso vinculado ao Primeiro Comando da Capital (PCC) que atuava no tráfico de drogas no Tocantins.

A operação contou com colaboração de agentes do Batalhão de Operações Policiais Especiais (Bope), Centro Integrado de Operações Aéreas (Ciopaer), Grupo de Operações Penitenciárias (Gope), Grupo de Operações Táticas Especiais (Gote), Rondas Ostensivas Táticas Metropolitanas (Rotam), 4º Batalhão da Polícia Militar, Secretaria Estadual da Cidadania e Justiça (por meio da Inteligência do Sistema Penitenciário) e das polícias civis do Pará e de São Paulo.

Na operação, 19 mandados de prisão preventiva e de busca e apreensão foram cumpridos, em endereços particulares de Palmas (TO), Redenção (PA) e Angatuba (SP) e dentro de cinco unidades prisionais: Casas de Prisão Provisória (CPPs) de Palmas, Paraíso do Tocantins e Miracema do Tocantins, Unidade de Segurança Máxima de Cariri do Tocantins e Unidade Penal Feminina de Palmas. Três contas bancárias vinculadas ao núcleo foram bloqueadas, com vistas a também desarticular a atuação do grupo.

Nas unidades prisionais vistoriadas, não foram encontradas armas, drogas nem aparelhos celulares.

A operação resulta de investigações que vêm sendo realizadas pelo Gaeco/MPTO desde 2020, amparadas em interceptações telefônicas autorizadas pela Justiça. Conforme as investigações, o grupo é composto por pessoas que exercem funções de destaque dentro do PCC, sendo que 13 do total de 19 integrantes desempenham suas funções de dentro das unidades prisionais – alguns com alto poder de articulação junto à cúpula do PCC nacional.

Dentre os integrantes do núcleo que não se encontravam aprisionados, quatro foram presos durante a operação desta terça-feira, 21. Outros dois, que também contavam com mandados de prisão preventiva e de busca e apreensão, morreram anteriormente, em confronto policial.

Por meio das investigações realizadas pelo Gaeco, foi possível identificar os faccionados e suas funções dentro do grupo criminoso, desarticular um crime de sequestro, desarticular um plano de atentado a integrante de uma facção rival e promover apreensões de entorpecentes em Palmas e Gurupi.
Fonte/MPE-TO

 1,492 total views,  164 views today

Continue lendo

Noticias

Homem procurado por crime de roubo é preso pela Polícia Civil com drogas e armas de fogo em Porto Nacional

Published

on

Um homem foragido da Justiça e procurado por um crime de roubo, cometido em 2014, foi preso pela Polícia Civil, em flagrante delito por tráfico de drogas e posse irregular de armas de fogo. A prisão ocorreu durante ação realizada por policiais civis da 7ª Divisão de Combate ao Crime Organizado (7ª DEIC), com apoio de agentes da 8ª Delegacia de Atendimento à Mulher e Vulneráveis (8ª DEAMV).

 

Coordenada pelo delegado-chefe da 7ª DEIC, Túlio Pereira Motta, a operação que resultou na captura do foragido da justiça tinha por objetivo dar cumprimento a um mandado de prisão em desfavor do indivíduo de 25 anos. Segundo a autoridade policial, o homem estava foragido há cerca de um ano, logo depois que a justiça havia expedido mandado pelo crime, praticado no ano de 2014.

 

“Ocorre que depois de localizar o paradeiro do suspeito, os policiais civis encontraram em poder dos mesmo quatro invólucros de substância semelhante à “cocaína”, além de 200 gramas da mesma substância, que estavam próximo a ele, além de um revólver Taurus, calibre 38 e uma espingarda artesanal calibre .22”, ressaltou a autoridade policial.

 

A prisão aconteceu no estábulo do Parque de Exposição Agropecuário de Porto Nacional. As investigações da 7ª DEIC apontam que o investigado estava transitando diariamente entre as cidades de Palmas e Porto Nacional. “Existe a suspeita que, nas últimas semanas, o foragido da justiça estaria transportando substâncias entorpecentes da Capital para revender na cidade de Porto Nacional”, disse o delegado.

 

Após ser capturado, o homem foi conduzido até a Central de Atendimento da Polícia Civil, em Porto Nacional, onde foi autuado em flagrante por tráfico de drogas e posse irregular de arma de fogo. Na ocasião, o delegado plantonista também deu cumprimento ao mandado de prisão preventiva, em aberto, pelo crime de roubo. Após a realização das providências legais cabíveis, o indivíduo foi recolhido à Casa de Prisão Provisória de Porto Nacional, onde ficará à disposição da Justiça.

Fonte / SSP-TO

 3,153 total views,  4 views today

Continue lendo

Publicidade

Desenvolvimento de Sites! +Bônus!

2

Facebook

Advertisement

Categorias

Trending