Policial e o filho dele são presos suspeitos de usar nome de detentos para financiar carros em Porto Nacional - Jornal Porto Midia

A operação Indecórus realizada pela Corregedoria da Polícia Civil, nesta quarta-feira (16), prendeu um policial da mesma instituição suspeito de usar o nome de presos para fazer financiamentos de carros, além de utilizar detentos para serviços pessoais fora das instituições carcerárias.

Conforme a Polícia Civil, foram cumpridos dois mandados de prisão, um contra o policial Herbert Ayres Sardinha e outro contra o filho dele, Herbert Sardinha Júnior. Também foram cumpridos oito mandados de busca e apreensão em residências e na Casa de Prisão Provisória de Porto Nacional.

A corregedoria começou a investigar o caso há cerca de dois meses. A operação é realizada em parceria com as Delegacias Regional de Porto Nacional, Regional de Palmas, de Investigações Criminais de Palmas e o Grupo de Operações Táticas Especiais (Gote).

As investigações apontam ainda, que o filho do policial é dono de uma empresa que fornecia alimento para a cadeia administrada pelo pai.

Herbert já havia sido afastado da chefia da cadeia de Porto Nacional no ano passado, por suspeita de participação na organização criminosa especializada na prática de falsificação de documentos, estelionato e lavagem de dinheiro.

O policial está sendo investigado pelos crimes de peculato e corrupção passiva.

Foto : Divulgação

Compartilhe

Share on whatsapp
WhatsApp
Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on linkedin
LinkedIn
Share on pinterest
Pinterest

Anuncie aqui, clique aqui para entrar em contato.

Veja também

Porto Mídia - PodCast

Publicidade

300x250
Paulista
277158474_1419113205204878_6132805285539760849_n
WhatsApp Image 2022-02-24 at 15.13.31
WhatsApp Image 2021-11-19 at 12.16.21

Anuncie aqui,
clique aqui para entrar em contato.

Já conhece nosso podcast?