Secretaria da Saúde de Porto Nacional capacitação profissionais para um melhor diagnóstico da Hanseníase - Jornal Porto Midia

A Secretaria Municipal da Saúde, através do Serviço de Assistência Especializada (SAE) realizou entre os dias 4 e 5 de junho uma capacitação técnica voltada aos profissionais do município e região, bem como para os acadêmicos dos cursos de Medicina e Enfermagem do ITPAC Porto.

De acordo com a coordenadora do SAE, Lelice de Souza, a capacitação tem como foco melhorar o diagnóstico precoce da doença, e ampliar a capacidade dos profissionais no atendimento especializado.

“A Hanseníase se classifica em quatro formas, destas, duas são tratadas durante um ano e as outras duas, em seis meses. Existe uma complexidade no tratamento e podem aparecer reações, por isso o motivo da capacitação”, disse a Coordenadora.

A qualificação está sendo dividida em dois dias, com duas equipes de profissionais.  A médica especialista em doenças tropicais e com atuação em Hanseniologia, Célia Bastos junto com a fisioterapeuta Hevelyn Patrícia, e a coordenadora do programa e enfermeira, Edeilma.

A capacitação atende profissionais de saúde de cidades vizinhas que compõe a região denominada “Amor Perfeito” e que tem Porto Nacional como base de acolhimento e atendimento.

Os serviços irão facilitar o manejo dos profissionais em suas cidades, no acompanhamento dos pacientes e nos encaminhamentos, para um melhor atendimento especializado.

Hanseníase

Hanseníase, conhecida antigamente como Lepra, é uma doença crônica, transmissível, de notificação compulsória e investigação obrigatória em todo o território nacional.

Possui como agente etiológico o Micobacterium Leprae, bacilo que tem a capacidade de infectar grande número de indivíduos, e atinge principalmente a pele e os nervos periféricos, com capacidade de ocasionar lesões neurais, conferindo à doença um alto poder incapacitante, principal responsável pelo estigma e discriminação às pessoas acometidas pela doença.

A infecção por hanseníase pode acometer pessoas de ambos os sexos e de qualquer idade. Entretanto, é necessário um longo período de exposição à bactéria, sendo que apenas uma pequena parcela da população infectada realmente adoece. 

A Hanseniologia é um ramo da Dermatologia que estuda especificamente a hanseníase. 

Fonte: Willian da Luz

Compartilhe

Share on whatsapp
WhatsApp
Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on linkedin
LinkedIn
Share on pinterest
Pinterest

Anuncie aqui, clique aqui para entrar em contato.

Veja também

Porto Mídia - PodCast

Publicidade

300x250
Paulista
277158474_1419113205204878_6132805285539760849_n
WhatsApp Image 2022-02-24 at 15.13.31
WhatsApp Image 2021-11-19 at 12.16.21

Anuncie aqui,
clique aqui para entrar em contato.

Já conhece nosso podcast?